23 maio 2009

Entrevista: Janaina Tanaka

Inaugurando a série de entrevistas, a primeira convidada é a Janaina Tanaka. Brasileira, mora no Japão há 8 anos.
Janaína tem um blog, o mais que bonitas.

A seguir, um pouco da visão de uma gatona brasuca sobre sua experiência no país das gueixas.


-Como é para uma brasileira residente no Japão cuidar da beleza? tarefa fácil ou trabalho duro?
É um trabalho duro, pois diante da rotina de trabalho que temos aqui, média de 12 horas/dia, infelizmente não sobra tempo para fazer tudo o que queremos em termos de cuidados com a beleza.

-Os produtos de beleza aí são caros?
São caros, tanto as marcas japonesas quanto as importadas. Compro quase tudo pela internet.

- Existe escova progressiva com formol no japão?
Com formol eu não sei, mas aqui eles fazem o tal "alisamento japonês"que é fortissímo.
Depois dele seu cabelo nunca mais será o mesmo.

- As meninas japonesas são ultra fashion, você acha que já incorporou isso ao seu modo de se vestir?
As japonesas são fashion demais na minha opinião. Querem usar todos os estilos, e de uma vez só, com sobreposição de peças.
Não faço nada assim, mas na maioria das vezes acho que combina com elas.

- As japonesas tinham a tradição das gueixas, mulheres que passavam o dia todo se embelezando para encontros com seus "protetores". Apesar delas estarem em "extinção" Você já viu uma gueixa de verdade?
Mesmo há oito anos morando aqui, nunca vi uma....

- Qual o produto de beleza que você conheceu aí no Japão e que hoje faz parte da sua vida tipo: como eu vivia sem isso?
Uma coisa que comecei a prestar atenção aqui, foram os cílios postiços. As japonesas sempre estão com os cílios perfeitos, por conta de um bom par deles.

- Sente falta de algum produto que usava no Brasil e que não acha aí de jeito nenhum?
Fico louca com os esmaltes aí do Brasil pois raramente as novas coleções chegam por aqui.

- Quando estive na europa, percebi que ninguém olha pra ninguém, é até dificil paquerar; independentemente de você ser ou não casada, no Japão como é a aproximação de um modo geral? Pelo que você já percebeu, rola uns olhares? São na deles ou se jogam?
São totalmente na deles. E eu vivo reparando isso aqui...
Até mesmo os casais com filhos, em um restaurante por exemplo, rola aquele clima de "formalidade".
É muito estranho e até hoje não me acostumei.

- Já passou por algum mico ou situação cômica em relação a embelezamento?
O que eu me lembro é o "clássico": testar uma base na loja de departamento, sair de lá se achando a linda, e quando chego em casa percebo que estou parecendo a irmã do Gasparzinho. Isso acontece muito aqui, pois as japonesas tem uma verdadeira doença por ter a pele branca. E elas acham que nós estrangeiras, também queremos muito isso!rsrs

- Pra finalizar, mande um recado pras suas amigas, suas seguidoras, sua parentada aqui no Brasil sil sil! :+)
Um grande beijo a todas que acompanham. Fico muito feliz em receber todo esse carinho vindo de vocês!

2 comentários:

  1. sempre inovando, adoro aqui e adorei a idéia de reportagem!
    :D

    ResponderExcluir
  2. valeu frau! :+)))
    vc esta na fila das entrevistas.
    bj bj bj

    ResponderExcluir

As opiniões expressas pelos leitores são de sua inteira responsabilidade e não refletem necessariamente, a opinião do Blog Arrase e Case. Mensagens ofensivas não serão publicadas.